O que é o linfoma? Quantas pessoas são diagnosticadas, em Portugal, com este tipo de cancro? Como se forma? Quais os seus sintomas? São muitas as dúvidas, que os portugueses têm sobre o linfoma, um tumor maligno do sistema linfático. Essa é a conclusão a que chegou a Associação Portuguesa Contra a Leucemia (APCL), que levou a cabo durante o mês de julho uma consulta pública, através da suas redes sociais, com o objetivo de saber quais as principais incertezas da população sobre esta doença.

As dúvidas foram, então, transformadas em perguntas, que ganham agora a forma de vídeos através da participação de Rui Unas, ator/humorista e Filipe Vargas, ator, e que são respondidas por vários médicos especializados no tema.

A APCL, com apoio da Roche,  lança assim no âmbito do Dia Mundial do Linfoma, que se assinala a 15 de setembro, a iniciativa “Dar resposta ao linfoma”, que tem como objetivo aumentar a literacia da população portuguesa sobre esta doença.

‘Dar Resposta ao Linfoma’ vai estar disponível, no site e redes sociais da APCL, e pretende ser um contributo importante para o aumento do conhecimento da população, dos doentes e dos seus cuidadores.

O linfoma é uma doença em que as células tumorais são os linfócitos, um tipo de glóbulos brancos que têm como missão a defesa contra infeções, e que têm origem na medula óssea.

Questões relacionadas com alimentação, tratamentos disponíveis, ensaios clínicos ou as sequelas da doença são algumas das questões respondidas com rigor pelos médicos convidados.