“Como é que se fazem os bebés?” A questão pode ser, como bem sabe os pais, desconfortável, mais ainda quando para acontecer a gravidez foi necessário recorrer a um tratamento de fertilidade com doação de gâmetas. Foi para ajudar estas mães e pais a responder de uma forma simples como nasceram os filhos (com a ajuda de um dador de espermatozoides ou de uma doadora de óvulos) que a Associação Portuguesa de Fertilidade (APFertilidade) lança dois livros infantis.

A APFertilidade escolheu o dia 1 de junho,  Dia Mundial da Criança, para apresentar Na nossa história há… uma fada! e Na nossa história há… uma semente mágica, através de um direto na sua página do Facebook, a partir das 18h00.

O evento, uma das iniciativas que decorre no âmbito dos 15 anos da fundação da APFertilidade, vai ser moderado por Íris Bravo, médica ginecologista no Centro de Infertilidade e Procriação Medicamente Assistida do Hospital Garcia de Orta, e conta com a participação de Ana Galhardo, psicóloga clínica, professora auxiliar no Curso de Psicologia do Instituto Superior Miguel Torga e coordenadora da rede de apoio psicológico da associação, e Pedro Xavier, presidente da Sociedade Portuguesa de Medicina de Reprodução.

Ana Galhardo explicará como surgiu a ideia de adaptar e criar a versão em português dos livros da autoria da Associação MAIA, congénere francesa da APFertilidade. Através destes livros, “os pais saberão como adaptar a conversa e revelar de forma calma e assertiva os moldes em que decorreu a sua conceção, isto é, o recurso a gâmetas de doador para concretizarem o seu sonho de ser pais”, refere a psicóloga, que esteve envolvida na tradução dos livros. A idade da criança é outro fator importante e determina como deve ser explicado o processo consoante a maturidade.

Pedro Xavier apresentará as situações em que os casais recorrem à doação de gâmetas e de que forma é feita essa doação, esclarecendo onde é que os potenciais candidatos se podem dirigir e quais os critérios obrigatórios para poderem candidatar-se.

Outro ponto importante que o presidente da SPMR irá abordar é a falta de dadores no Serviço Nacional de Saúde e quais as possibilidades para aumentar o seu número.

O evento contará ainda com a leitura dos livros por Vera Fernandes e Elsa Teixeira, animadoras da Equipa das Manhãs da Rádio Comercial.

Cláudia Vieira, presidente da APFertilidade, sublinha a importância da iniciativa, a primeira com este objetivo a nível nacional, e considera que é possível alertar para a necessidade de mais pessoas doarem os seus gâmetas, dentro dos critérios obrigatórios, “através da informação e sensibilização da sociedade de que doar neste caso é ajudar a gerar vida, um ato de um imenso altruísmo que permite a uma família terem um filho”.

Para adquirir os livros basta enviar email para geral@apfertilidade.org e efetuar o pagamento por transferência bancária (IBAN PT50 0035 0882 00086578430 49), ou dirigir-se às instalações da APFertilidade, na Rua de São Bento, 69, em Lisboa. O valor de cada livro é 5 euros, mais custos de envio.