snacks e refeições para o verão

Snacks e refeições perfeitas para o verão

Por Nutrição & Fitness

Seja na praia ou no campo, nos muitos jardins, parques e espaços que pintam de verde o País, nada melhor do que aproveitar o verão para petiscar, para piqueniques, para refeições partilhadas. Aqui deixamos-lhe sugestões para snacks e refeições à altura do calor.

O tempo quente convida a refeições leves e fáceis. Como saladas. A Associação Portuguesa dos Nutrição refere-as como “uma excelente forma de consumir uma refeição completa e refrescante”.

Tudo começa com uma fonte de proteínas, como frango desfiado ou peixe, à qual se juntam os hidratos de carbono (couscous, massa), as gorduras insaturadas (abacate, azeite, frutos gordos), as vitaminas e minerais (hortícolas, ervas aromáticas, frutas frescas) e, claro, o tempero, que deve ser feito apenas no momento do consumo.

Fáceis não só de comer mas também de fazer são as sanduíches. Aqui, a base é o pão, sendo de evitar o de leite e de forma, com mais gorduras, assim como recheios que, por força do calor, podem causar alguns amargos de boca, como o molho de iogurte, fiambre ou maionese.

Fruta, um snack ideal

O Programa Nacional de Promoção da Alimentação Saudável (PNPAS), da Direção-Geral da Saúde, destaca a fruta, sobretudo a da época, como melão, melancia, cerejas, ameixas, framboesas, figos, pêssegos. 

Boas para consumidor à sobremesa ou nos intervalos das refeições, são o snack ideal para os dias de verão, sendo o substituto perfeito para os doces.

Aqui, aconselha-se a transportar a fruta inteira, para consumir com casca, depois de bem lavada e acondicionada em caixas térmicas. A exceção pode ir para as mais resistentes, como a maçã, pera, banana, tangerina, laranja ou nectarina.

A melhor bebida do verão

O calor exige uma hidratação à altura e nada melhor que a água. Não só auxilia a regular a temperatura corporal, como compensa as perdas devido sobretudo à transpiração.

Para tornar esta bebida mais interessante pode sempre, como aconselha o PNPAS, “adicionar fruta, especiarias como a canela ou ervas aromáticas como a hortelã para lhe dar mais sabor”.  

Frutos secos e hortícolas

Há outros snacks, fáceis de transportar e saudáveis, que pode levar para onde o verão o levar. É o caso dos frutos oleaginosos, como as amêndoas, nozes, amendoins que, devido ao seu elevado valor energético, devem ser consumidos em moderação, devendo ser preparadas as doses recomendadas, antes de sair de casa.

Não esquecer que uma dose corresponde a 10 amendoins, ou sete amêndoas, ou quatro metades de nozes ou ainda sete.

Os hortícolas entram também nesta lista, em palitos (cenoura, pepino ou aipo) ou tal como são colhidos (tomate cherry).