solução para ajudar tetraplégicos

Ferramenta para doentes tetraplégicos permite comunicar com o olhar

Por Investigação & Inovação

É com o movimento do olhar que, graças ao Magic Eye, os doentes tetraplégicos conseguem interagir com um computador. Uma solução tecnológica que se encontra agora ao dispor do Centro Hospitalar Cova da Beira (CHCB).

Instalado no CHCB, com o apoio da Fundação PT, o equipamento tem como objetivo de proporcionar uma melhor qualidade de vida e uma maior autonomia a doentes tetraplégicos com necessidades especiais de saúde e elevado grau de incapacidade física

“Representa um contributo valioso para o bem-estar e conforto, quer físico quer psicológico, do doente ao qual foi disponibilizado. Neste caso, doentes na casa dos 50 anos, tetraplégicos e com uma patologia crónica associada, em estado muito avançado, situação que tem requerido cuidados de saúde especializados e uma hospitalização prolongada”, refere . Para João Casteleiro, presidente do Conselho de Administração desta unidade hospitalar.

Trata-se, revela o CHCB em comunicado, de uma “ferramenta que resulta da forte ligação existente entre a tecnologia e a medicina, e é a prova da importância que as novas tecnologias adquiriram na atualidade, quando aplicadas em prol da prestação de cuidados de saúde com qualidade, segurança e humanização”.

“Nesta situação em particular, reveste-se de um caráter absolutamente dignificante e libertador, porquanto devolve ao utente parte da autonomia perdida com a doença, permitindo-lhe inclusive socializar através da internet instalada no computador”, acrescenta  João Casteleiro.

A tecnologia ao serviço da medicina

O Magic Eye é uma solução tecnológica que permite, através de movimentos do olhar, controlar o cursor do rato, possibilitando assim utilizar qualquer aplicação de um computador, por pessoas a quem um rato ou teclado normal não estejam acessíveis.

Consiste numa aplicação, que através de uma câmara de vídeo de alto desempenho analisa os movimentos dos olhos e desloca o rato para a posição do ecrã onde estes se foquem.

Este produto destina-se a pessoas que não consigam utilizar os membros superiores para interagir com o teclado ou rato do computador, mas que consigam movimentar os olhos, de uma forma controlada, e que possuam uma boa saúde mental e cognitiva.