Associação entre fast food e doenças alérgicas

Consumo de fast food associado a asma e outras doenças alérgicas

Por Nutrição & Fitness

Há uma ligação entre o consumo de fast food e o aumento da probabilidade de vir a ter asma, pieira e várias outras doenças alérgicas, como febre dos fenos, eczema e rinoconjuntivite.

Tendo em conta que a prevalência da asma e das doenças atópicas, como dermatite atópica, rinite alérgica e rinoconjuntivite, tem aumentado de forma significativa nas últimas décadas, sobrecarregando os sistemas de saúde e reduzindo a qualidade de vida dos doentes, os especialistas decidiram olhar para a alimentação como um potencial fator de risco.

Até porque o que tem motivado este aumento da prevalência ainda não é claro.

No entanto, a relação entre o que comemos e as alergias parece clara, descobriu um grupo de investigadores da universidade chinesa de Sichuan, com base na revisão e análise de um conjunto de 16 estudos já publicados.

Independentemente do rendimento dos consumidores e olhando para os tipos de alimentos, a ingestão de hambúrgueres foi a que mais surgiu associada a doenças alérgicas, sobretudo a asma.

De acordo com os autores desta revisão, publicada na revista científica Respirology, uma alimentação de baixa qualidade é suscetível de contribuir para o desenvolvimento e progressão da asma e pieira, através de múltiplos mecanismos.

“São, no entanto, necessários estudos adicionais para confirmar as relações encontradas nesta análise e para identificar potenciais associações causais entre o consumo de fast food e as doenças alérgicas”, afirma Gang Wang, autor sénior do estudo e especialista da Universidade de Sichuan.

Fast food, alimentos ricos em calorias, gorduras e muito mais

Fast food é o nome dado a alimentos produzidos em massa, preparados e servidos muito rapidamente, com baixa qualidade nutricional.

Em geral, qualquer alimento com menos tempo de preparação pode ser considerado fast food, refere os especialistas do estudo, sobretudo alimentos vendidos em restaurantes ou lojas, com ingredientes pré-aquecidos, e servidos ao cliente embalados para levar.

Para além disso, fast food enquadra-se normalmente na categoria de alimentos ricos em calorias, gordura total, gordura saturada e trans, açúcar, hidratos de carbono simples e sódio (sal).