asma grave por controlar

“Grande parte dos doentes com asma grave não tem doença controlada”

Por Marque na Agenda

Serão cerca de 35 mil os portugueses que sofrem com asma grave. Pessoas que vivem todos os dias com o receio dos sintomas, receio de sair, de não poder fazer desporto, de não poder rir… Porque, como explica João Fonseca, imunoalergologista e investigador do CINTESIS, “a influência que a asma grave tem no dia-a-dia do doente é totalmente diferente da asma ligeira ou moderada”. Mais ainda ao ter em conta “que grande parte dos doentes com asma grave não tem a doença controlada”.

Ler Mais