milhares de materiais

Viseiras, batas e máscaras entre os milhares de materiais doados por farmacêutica a unidades de saúde

Por COVID-19

Na batalha contra a COVID-19, o trabalho tem-se feito a vários níveis. E com diferentes protagonistas. Um deles têm sido as farmacêuticas, como a Boehringer Ingelheim, que trabalha a nível mais global e também local. Por cá, decidiu doar milhares de materiais essenciais no combate à propagação da pandemia a vários hospitais e Unidades de Saúde Familiares.

Ler Mais

conferências online sobre covid-19

Internet vai ser palco de duas conferências que dão respostas sobre COVID-19

Por COVID-19

Dar resposta às questões dos profissionais de saúde e da população sobre a infeção pelo novo coronavírus é o objetivo das duas conferências webinar, que se vão realizar a 31 de março (terça-feira), a partir do Porto, e na semana seguinte, a 7 de abril, a partir de Lisboa, ambas pelas 21h00. A transmissão será feita em direto na plataforma www.Boehringer-webinars.pt.

Ler Mais

projeto quer alunos a lançar novo medicamento

Alunos desafiados a fazer lançamento de novo medicamento ultrassecreto

Por Marque na Agenda

É um jogo. Mas um jogo que pretende capacitar, motivar e responsabilizar jovens com dificuldades no percurso escolar a escolherem as suas vocações profissionais. A brincar, a ‘Missão Inovar é Possível’ convida os alunos do 3º ciclo do ensino básico do curso de Educação e Formação de Jovens, da Escola D. João V, Amadora, a assumir a tarefa de lançar um novo medicamento ultrassecreto.

Os jovens, que têm um percurso escolar marcado pelo insucesso e desmotivação, encontram no jogo ‘Missão Inovar é Possível’ a oportunidade de vestir a pele de especialistas em vendas, marketing, produção, logística e outros departamentos, e fazer o lançamento bem-sucedido de um novo medicamento ultrassecreto, que promete melhorar a vida de muitos doentes.

Um projeto que conta com a chancela da EPIS – Empresários pela Inclusão Social e envolve vários recursos humanos da empresa Boehringer Ingelheim, que voluntariamente prestam mentoria aos alunos.

“Minimizar o insucesso e abandono escolar é o grande objetivo” desta missão, explica Vanessa Jacinto, Head of Market Access & Public Affairs da Boehringer Ingelheim, empresa que lançou o desafio.

“O projeto visa ensinar, através de um divertido business game, adaptado ao percurso escolar e à realidade social dos alunos a quem se dirige, as opções profissionais que eles têm pela frente, como funciona uma empresa e os desafios a que esta está sujeita no seu dia-a-dia.”

Reforçar as capacidades dos jovens

Neste processo, que visa realizar o lançamento de um novo medicamento, os jovens serão organizados em equipas e vão ter acesso a um conjunto de desafios que exigem a tomada de muitas decisões, em áreas como o Marketing, Logística, Vendas, entre outras.

Missões que vão ser apoiadas e orientadas por mentores, especialistas nas diferentes áreas.

Um projeto que pretende reforçar as capacidades dos jovens para a tomada de decisões, garantindo o seu crescimento enquanto pessoas e cidadãos.

Um objetivo tanto ou mais importante se tivermos em conta o contexto socioeconómico dos jovens a quem este projeto se dirige e pelo facto de se encontrarem no 9º ano de escolaridade, fase da vida onde terão que fazer escolhas com impacto no seu futuro. 

Jardineiros de palmo e meio vão ‘semear’ a inclusão no Jardim da Luz

Por Marque na Agenda

Ainda que tímida, a primavera começa a dar o ar da sua graça e a convidar miúdos e graúdos a trocarem os dias passados por entre quatro paredes pelo ar livre. E é ao ar livre, no Jardim da Luz, em Lisboa, que se realiza mais uma iniciativa no âmbito do programa de responsabilidade social “Inovar é Divertido”, que convida a semear a inclusão.

No dia 9 de maio, pelas 16h30, as pás, ancinhos, baldes e vasos vão ser as ferramentas usadas para ajudar a plantar um jardim diferente e especial, onde mais do que plantas ou flores, se vão deitar as sementes para que floresça a inclusão. Uma atividade que, à defesa do ambiente, vai juntar outros ingredientes: a inclusão e a diversidade.

“Acreditamos que através da inclusão e das diferentes experiências de cada um, ou seja, da diversidade, poderemos inovar mais e melhor. Com as atividades que temos vindo a desenvolver pretendemos promover a inclusão e chamar a atenção para a necessidade de privilegiar a melhoria da situação e do desenvolvimento das crianças com deficiência ou incapacidade. Daí ser tão importante para nós criar estes momentos de partilha junto destas crianças”, refere Vanessa Jacinto, mentora deste projeto, que a Boehringer Ingelheim tem vindo a implementar desde 2016.

Para esta atividade a empresa conta com a participação de instituições como a Acreditar, a Raríssimas, a Fundação do Gil, entre outras e com a colaboração fundamental da Associação BIPP – Inclusão para a Deficiência..

A iniciativa será associada à Semana da Responsabilidade Comunitária da Junta de Freguesia de Carnide e contará igualmente com a ajuda preciosa dos filhos dos colaboradores da Boehringer Ingelheim.

Para além da plantação do jardim, os mais pequenos vão ser desafiados a realizar várias atividades de construção de vasos e plantação dos mesmos, que os jardineiros de palmo e meio vão poder depois levar para casa.