Como pode o mioma uterino afetar a gravidez

mioma

Um mioma uterino é uma massa ou tumor benigno ou não cancerígeno da porção muscular do útero. Embora comum, pode causar dor e hemorragia excessiva, além de preocupações sobre fertilidade e gravidez. Michelle Louie, cirurgiã ginecológica da Mayo Clinic, nos EUA, e especialista neste tipo de problemas, defende que é importante conhecer as opções de tratamento e consultar um especialista.

Os miomas podem passar despercebidos durante muitas gestações saudáveis. “Mas, dependendo do tamanho ou local, podem afetar a capacidade de uma pessoa engravidar, permanecer grávida ou ter uma gravidez saudável”, refere a especialista.

Os miomas são normalmente classificados com base no local do útero onde se encontram. “Um mioma submucoso [resultado do crescimento de células do miométrio] tem maior probabilidade de afetar uma futura gravidez ou afetar a capacidade de engravidar ou conceber, enquanto os intramurais [entre as paredes do útero], especialmente se forem pequenos, provavelmente não vão ter efeito numa futura gravidez ou na capacidade de engravidar”, refere a médica.

Pode ser solicitado uma ecografia ou uma ressonância magnética (RM) para avaliar as opções de tratamento, mas “a cirurgia tradicional baseada em evidências para quem deseja uma futura gravidez é a miomectomia”.

Louie explica que os miomas podem complicar a gravidez para algumas pessoas, pelo que médicos “especialistas neste tipo de problemas podem ajudar a orientar quanto a variedade de opções de tratamento, seja no tratamento dos sintomas como na melhor forma de ter uma gravidez futura, se esse for um dos objetivos da pessoa”.

Posts relacionados