Compreendendo a situação delicada em que o país se encontra, com restrições de deslocações e suspensão generalizada de consultas, a Sociedade Portuguesa de Oftalmologia (SPO) disponibiliza consultas gratuitas a doentes de oftalmologia, através da COESO – Consultórios de Especialistas de Oftalmologia.  

Fernando Falcão Reis, presidente da SPO, explica que, com esta iniciativa, o que se pretende é “responder a questões colocadas pelos doentes, dar conselhos e orientações terapêuticas. Tudo claro dentro dos limites de uma consulta não presencial. Temos um grupo de médicos oftalmologistas de vários pontos do país que se voluntariaram para este trabalho”.

Para aceder a estas consultas gratuitas deve descarregar a App COESO na Apple Store ou na Google Play ou contactar através da linha de apoio 800 300 350. Saiba mais aqui.

Consultas de oftalmologia sem sair de casa

Recentemente, a SPO já tinha alertado a população para a necessidade de “evitar a concentração de pessoas nos serviços de urgência, particularmente nos hospitais que estão na linha da frente na prestação de cuidados a doentes infetados com o COVID-19”.

Mas tendo em conta o encerramento de toda a atividade clínica não urgente nos hospitais públicos e hospitais privados, previa “um acréscimo considerável de doentes nos serviços de urgência de oftalmologia”, que é de evitar.

É nesse sentido que divulga agora esta nova medida.