O SARS-CoV-2 parece ter vindo para ficar. O que significa que os cuidados são para manter, agora também nos ambientes laborais. A estes juntam-se a necessidade de resistir à vontade de organizar e frequentar festas, a necessidade de reinventar os momentos de lazer, longe de multidões ou a possibilidade de frequentar a praia, com cautelas. Mensagens reforçadas na nova campanha de sensibilização da Direção-Geral da Saúde (DGS), com as vozes de Rui Unas e Catarina Miranda, que recorda que todos somos agentes de saúde pública.

Composta por spots de rádio e mantendo o conceito ‘Tu és um agente de saúde pública’, a campanha incide em exemplos práticos do dia-a-dia, em tempo de desconfinamento.

“Se estiveste de máscara e distante dos outros, não facilites ao almoço”; “Não combines festas ou encontros com muitas pessoas” ou “Os melhores programas não têm de ser numa multidão”.

Uma nova fase da campanha

“Depois de uma primeira fase de campanha, de março a abril, sob o lema do confinamento – cuidados e atitudes a tomar, desenhamos agora um momento de sensibilização para os comportamentos corretos a adotar numa fase diferente da pandemia, tendo por alvo uma faixa etária mais jovem, que não deve baixar a guarda, e continuar atenta aos perigos da Covid-19″, afirma João Damas, da Addmore, agência de publicidade responsável pela criatividade.

A estratégia digital tem a assinatura da Guess What, que, desde o início desta semana, com o apoio de uma rede de agências parceiras, convidou influenciadores a partilharem, nas suas redes sociais, algumas das informações veiculadas pela DGS, chegando de forma massiva aos públicos-alvo.

Alexandre Antunes, diretor de Comunicação Digital da Guess What, revela que, “tal como na primeira fase, acreditamos que as vastas comunidades de seguidores dos influenciadores vão ser impactadas por estas mensagens e contribuir para uma evolução favorável da situação”.