Perguntas que nem sempre são feitas sobre o cancro de pele

cancro de pele

A nossa pele tem muitas funções, como proteger o nosso corpo de substâncias nocivas, regular a temperatura corporal, permitir a sensação de toque e pode ser um indicador da idade ou saúde de uma pessoa. Devido à importância do seu papel, nenhuma pergunta sobre o maior órgão do corpo humano e o cancro de pele é muito pequena, muito desconfortável ou muito estranha. Sarah Weiss, médica oncologista do Rutgers Cancer Institute of New Jersey responde a perguntas sobre este tipo de cancro que nem sempre são feitas.

Quais são os tipos de cancro de pele mais prevalentes

O carcinoma basocelular é o tipo mais comum de cancro de pele, seguido do carcinoma espinocelular. O melanoma é o terceiro cancro de pele mais comum.

A cor da pele pode desempenhar um papel no desenvolvimento deste cancro?

As pessoas de pele clara, cabelos loiros ou ruivos, olhos azuis, sardas e aqueles que tendem a queimar-se facilmente têm maior risco de desenvolver cancro de pele. Apesar disso, todas as pessoas, independentemente da cor da pele, estão em risco de desenvolver este tipo de tumor.

Quais são os riscos associados ao cancro de pele nas pessoas negras?

As pessoas de todas as cores, inclusive as de pele mais escura, podem ter cancro de pele. Isso porque podem estar expostas aos mesmos fatores de risco ambientais, como os raios ultravioleta (UV), que as pessoas de outras raças ou etnias.

Uma tatuagem pode aumentar o risco ou esconder este tipo de tumor?

As pessoas com tatuagens não correm um risco maior de desenvolver cancro de pele. No entanto, deve-se evitar fazer uma tatuagem muito perto ou sobre um sinal. As alterações que ocorrem num sinal (simetria, cor, tamanho, forma ou textura) são os principais sinais de alerta para o cancro de pele.

As crianças podem ter cancro de pele?

O cancro de pele não é comum em crianças, no entanto, estudos já mostraram que as queimaduras solares na primeira infância podem aumentar o risco de cancro de pele para uma criança mais tarde na vida. Um protetor solar com FPS 30 ou superior deve ser aplicado em todas as áreas do corpo da criança expostas ao sol. Bebés com menos de seis meses de idade devem ser mantidos longe da luz solar direta ou cobertos com roupas em vez de protetor solar.

Como se aplica o protetor solar corretamente?

Um protetor solar só protegerá a pele quando usado da forma correta, o que significa preferir um com FPS 30 ou superior para cobrir toda a pele exposta; aplicar protetor solar 30 minutos antes da exposição ao sol e reaplicar a cada duas horas; mesmo um protetor solar resistente à água precisa ser reaplicado pelo menos a cada 80 minutos.

A poluição do ar pode causar este tumor?

A exposição à poluição do ar não aumenta o risco.

Os solários são mais seguros do que estar ao sol?

As pessoas que usam solários têm um risco aumentado de desenvolver todos os tipos de cancro de pele. Não há quantidade segura de bronzeamento artificial. Qualquer uso de dispositivos de bronzeamento artificial aumenta o risco deste cancro, incluindo melanoma, e esse risco sobe à medida que se aumenta o uso do bronzeamento artificial.

O que significa um diagnóstico de melanoma em estágio 4?

A maioria das pessoas descobre o tumor precocemente, antes que se espalhe. Mas outros descobrem que têm a doença quando está em estágio avançado. No melanoma do estágio 4, as células do melanoma espalharam-se de onde o cancro começou (o local primário) para outras partes do corpo.

Quais são as opções de tratamento?

Existem muitos tratamentos disponíveis para o melanoma, mas depende do estágio em que se encontra e se houve metástase.

 

Subscreva as nossas notificações. Siga-nos também nas redes sociais!

Posts relacionados