8 dicas para evitar que o verão ao ar livre se transforme num problema

verão

Já está a planear as atividades que vai realizar neste verão? Antes de o fazer, Stephanie Lareau, professora assistente de medicina de emergência na Virginia Tech Carilion School of Medicine, nos EUA, diz que um pouco de bom senso e a preparação certa ajudarão a manter os seus planos de verão seguros e divertidos.

1. Usar protetor solar ou roupas de proteção solar

Embora seja importante durante todo o ano, é muito importante durante o verão usar protetor solar ou roupas de proteção solar, como camisolas e chapéus ao ar livre. As queimaduras solares não são apenas desconfortáveis, mas também podem aumentar o risco de cancro da pele e predispor a doenças relacionadas com o calor.

Com o protetor solar, é importante não esquecer que este deve ser reaplicado a cada duas horas, ou mais frequentemente se estiver na água.

2. Verificar se há carraças

As doenças transmitidas por carraças são também comuns nos meses de verão. É importante verificar a sua presença depois de estar ao ar livre, sobretudo em relvados altos ou áreas arborizadas.

Para remover as carraças, deve usar-se uma pinça e segurar o mais próximo possível da cabeça da carraça. A doença de Lyme é uma das doenças mais comuns transmitidas pelas carraças, sobretudo nos cães.

3. Usar um capacete de bicicleta

Há aumento do trauma, sobretudo pediátrico, durante o verão, pelo que se deve certificar que as crianças (e adultos) usam capacetes ao andar de bicicleta ou usar trotinetes.

4. Exercitar-se cedo para evitar o calor do meio-dia

As doenças relacionadas com o calor são mais comuns nos meses de verão, devendo, por isso, sair cedo para evitar o calor do meio-dia. Use roupas claras e respiráveis ​​e certifique-se de que bebe bastantes líquidos.

A tolerância ao exercício pode diminuir quando está quente, então planeie adequadamente e aumente lentamente o exercício para ajudar o seu corpo a habituar-se às temperaturas crescentes.

Ajuste as suas atividades de acordo com os dias com os índices de calor: considere nadar ou correr numa passadeira em ambientes fechados em vez de correr ao ar livre.

5. Manter-se hidratado enquanto faz tarefas ao ar livre

Se trabalha ao ar livre durante o verão, é importante manter-se bem hidratado. Uma boa regra geral é garantir que a sua urina parece mais clara.

Certifique-se de que tem água disponível e beba-a em intervalos regulares. Faça pausas frequentes e saia do sol. Se possível, tente fazer o trabalho no início da manhã ou no final da noite, quando as temperaturas são mais baixas.

Olhe para a previsão e tente escolher dias não apenas com temperaturas mais baixas, mas com índice de raios UV mais baixo e com menor humidade. É que, quando esta é alta, a transpiração é menos eficaz, tornando mais difícil para o seu corpo regular a temperatura.

6. Fazer aulas de natação; usar um colete salva-vidas quando necessário

Há também um aumento de afogamentos durante o verão. Certifique-se de que tem uma pessoa designada para observar as crianças perto da água.

Certifique-se também que as crianças tenham coletes salva-vidas bem ajustados em lagos e rios. É também um ótimo momento para matricular as crianças em aulas de natação.

Considere fazer aulas de suporte básico de vida.

7. Preparar-se para caminhadas mais longas e atividades ao ar livre

Ao fazer viagens mais longas no verão, é importante ter acesso adequado a água; lembre-se que em climas quentes precisa de mais água do que o normal.

Se estiver a realizar atividades extenuantes, também pode ser importante incluir bebidas eletrolíticas para evitar a hiponatremia induzida pelo exercício: baixos níveis de sódio ou sal, que podem levar a confusão e até convulsões.

8. Evitar insolações 

Um problema médico mais sério relacionado com o calor do verão é a insolação. Sempre que alguém está ao calor e começa a ter um estado mental alterado, isso é insolação.

O estado mental alterado pode significar confusão ou não conseguir andar corretamente; esta é uma emergência médica e potencialmente fatal. Deve ligar para o 112 e trabalhar para arrefecer a pessoa, borrifando-a com água fria, mergulhando-a em água (se estiver acordada) e tirá-la do sol direto.

Posts relacionados