Campanha quer ajudar europeus nas suas escolhas alimentares

escolhas alimentares

Qual a diferença entre o ‘consumir de preferência antes de’ ou o ‘consumir até’ nos rótulos dos meus alimentos? Existem regras de higiene alimentar que devo seguir em casa para manter a minha família segura? Devo preocupar-me com os aditivos alimentares? Estas são algumas das perguntas feitas pelos consumidores europeus a que a campanha #EUChooseSafeFood tem respondido, traduzindo a ciência por detrás da segurança alimentar na União Europeia (EU) e ajudando nas suas escolhas alimentares. Com base numa primeira fase bem-sucedida, foi agora lançado um segundo ano da campanha com novos tópicos.

Ajudar os consumidores a tomar decisões informadas sobre as escolhas alimentares diárias é o objetivo da campanha #EUChooseSafeFood que, por toda a UE, oferece informações práticas e acessíveis para os consumidores usarem quando compram e consomem alimentos – desde ajudar a ler rótulos e entender aditivos, até fornecer conselhos sobre a preparação e armazenamento de alimentos.

Lançado a 16 de maio, este segundo ano da campanha tem por base o que foi feito no primeiro, expandindo os tópicos sobre os quais os consumidores podem aprender, que agora incluem temas como a saúde vegetal, os novos alimentos, como insetos, e ainda os suplementos alimentares.

O Diretor Executivo da Agência Europeia de Segurança Alimentar (EFSA), Bernhard Url, considera que “os consumidores da UE podem ter plena confiança de que os alimentos que colocam às suas mesas são seguros. Podem confiar no sistema de segurança alimentar da UE e no conhecimento científico que está na sua base, que tem ajudado a garantir a segurança dos nossos alimentos há 20 anos. #EUChooseSafeFood é um exemplo importante da nossa parceria com as autoridades nacionais de segurança alimentar e a nossa cooperação com organizações de consumidores, produtores de alimentos e sociedade civil”.

Visando sobretudo cidadãos europeus com idades entre os 25 e os 45 anos, a campanha, além de ajudar nas escolhas alimentares, também explicará o papel da EFSA e o seu contributo para a legislação europeia que protege os consumidores e toda a cadeia alimentar.

segurança alimentar

Posts relacionados